terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Alunos do curso Mídias na Educação exigem a continuidade do curso

O facebook tem servido a diversas formas de manifestação, de expressão de descontentamentos, de denúncia etc. A rede social mostra-se um meio importante para agregar, mobilizar e atrair a opinião pública para diversos assuntos.

Na semana passada alguns alunos do Curso de Formação Continuada em Mídias na Educação postaram mensagens no facebook cobrando a continuidade do curso.

O Mídias na Educação foi um curso que despertou grande interesse dos professores da rede pública de ensino, estadual e municipal. Seu conteúdo e objetivo foram os grandes atrativos. Outra facilidade era o fato do curso ser ministrado a distância, possibilitando aos professores de diversos municípios paraenses acessarem o curso.

O Mídias é uma ação do Governo federal, por meio do Ministério da Educação (MEC). Em cada estado da federação o MEC formaliza convênios com as Universidades Federais ou Estaduais e também com as Secretárias de Estado de Educação e com a UNDIME (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação). Aqui no Pará o convênio que permitiu o curso reúne o MEC, UFPA, SEDUC e UNDIME-Pa.

Na UFPA a gestão do curso é feita pela Faculdade de Comunicação (FACOM) e é compartilhada com a Assessoria de Educação a Distância da UFPA (AEDI).

Nos estado do Pará, o curso teve três ofertas: 2006 (150 alunos); 2007 (200 alunos aproximadamente) e 2008 (cerca de 2000 alunos). A turma de 2006 foi a única que conseguiu concluir os três módulos do curso: Extensão (120 horas), Aperfeiçoamento (180 horas) e Especialização (360 horas).

Os alunos das turmas de 2007 e 2008 já cursaram os dois primeiros módulos, portanto, cumpriram 180 horas, faltando somente o último, sem este os alunos não podem obter a certificação de especialista em Mídias na Educação.

O curso encontra-se paralisado desde 2009. No segundo semestre de 2010, a UFPA chegou a indicar a continuidade do curso, porém, sem muitas explicações, não cumpriu a promessa.

Os alunos do curso (eu também), cansados de esperar, decidiram iniciar mobilização em favor de sua continuidade, abaixo, transcrevo algumas das postagens dos alunos no facebook:

Karla Damasceno
Boa noite queridos colegas! Gostaria de saber quantos de vocês participaram do curso de mídias na educação e estão até hoje, como eu, aguardando o último ciclo. Acredito que se nos unirmos em documentação, conseguiríamos pressionar para a continuidade do mesmo. Afinal, iniciamos e merecemos terminar, pois todos nós almejamos este título.
Aguardo contato.
Abraços

Alden Rodrigues Cavalcante Rodrigues é verdade Karla, os organizadores do curso deveriam dar uma satisfação para os professores que participaram do curso. abraços.

Karla Damasceno triste isso, mas acho que ainda podemos pressionar e colocar esse curso pra frente!

Marcelo Carvalho O curso Mídias na Educação (especialização) foi o de maior repercussão na rede estadual e municipal, foi o de maior oferta e o mais interiorizado, foram mais de 40 turmas, cada uma com 50 alunos, e cerca de 20 cidades polos. Infelizmente no final de 2009, o curso foi interrompido e até hoje nem a UFPA e nem a SEDUC indicam quando o curso será reiniciado e concluído. No meu blog já fiz mais de uma dezena de postagem cobrando a continuidade do curso. Acho que podemos iniciar uma grande mobilização de todos os alunos (cerca de 800), aqui pelo Face, e exigir a imediata continuidade do curso. O que vocês acham karla Damasceno, Aldem Rodrigues, Sandra Mônica, Daniela Torres...?

Karla Damasceno Bom dia a todos!
Sim, professor Marcelo! Creio ser a única forma de continuarmos o que começamos. Precisamos e merecemos este título, pois muitos de nós nos dedicamos para esse fim. Conte comigo para essa mobilização. Com a sua ajuda e o seu conhecimento poderemos concluir nosso curso!
Obrigada a todos!
Att;
Karla Damasceno

Marcelo Carvalho Podemos começar mobilizando os demais alunos do curso, dependendo do número de pessoas podemos criar um grupo específico aqui no face.

Socorro Mendes Eu também estou ansiosa. Fiz em 2008!

Socorro Mendes Podem contar comigo.

Karla Damasceno Muito bom!!
Seria bom se todos que participaram do curso sinalizassem para que pudéssemos contabilizar os alunos. Dai pensarmos em documentar. Vamos avançar!
abraços;
Karla Damasceno

Socorro Mendes Isso Mesmo Karla, estou precisando desta certificação em meu currículo.

Marcelo Carvalho Karla poste um chamado aos alunos, no mural, e indique esta mobilização aqui no grupo.

Karla Damasceno postado! Vamos aguardar para saber quantos sinalizarão. Grande abraço, Prof° Marcelo Carvalho.

Socorro Braga Podem contar comigo, afinal deixamos da fazer muita coisa para fazer as postagens dos dois ciclos, merecemos.

Alden Rodrigues Cavalcante Rodrigues eu participei, e até hoje estou esperando um posicionamento dos responsáveis pelo curso.
abraços
Alden

Ps. Se você é aluno, poste um comentário e manifeste sua vontade de concluir o curso, indique a cidade em que reside e a cidade polo do curso.

Marcelo Carvalho

15 comentários:

Escola Cezar Pinheiro disse...

Eu Edlene Lisboa,também fiz os dois modulos do curso de mídias, porém não conseguimos concluir, eu acredito que todo o problema relacionada ao curso seja, politico e não financeiro, como a politica se mistura com a politicagem talvez vamos continuar esperando, esperando não sei até quando.

bosco disse...

Eu joão Bosco,Luis Claudio, Marcio Geovanne, Paula Giselle somos todos professores de A. Corrêa e também estamos nessa espectatva, esperando para terminarms o que começamos e até agora nada.Vamos a luta!

Lessa disse...

Eu também conclui os dois primeiros módulos e cheguei até a realizar a matrícula no 3º módulo, mas estou como vcs a ver navios. Precisamos unir esforços para descobrir a real causa dessa interrupção e reivindicar a continuidade do curso. Vamos a luta!

Karla Damasceno disse...

Olá Prof Marcelo e demais colegas que iniciaram o Curso de Mídias. Através das ferrantas da internet, e este Blog, que está liknado com muitas pessoas que começaram o curso, os NTE's e demais organizações, podemos difundir nossa ansiedade em continuarmos o curso. Precisamos deste título para nossos currículos e o merecemos.Eu, a exemplificar, precisei ao menos de uma certificação, pois estou pleiteando lotação no laboratório de informática e nem isso consegui. Espero que nos unamos de verdade e consigamos finalizar nosso curso!
grande abraço a todos!

Prof. Ana Baía disse...

Sou Ana Maria F. Baía turma/2008 estou com vocês. Afinal deixei de fazer outra especialização no início de 2010 porque estava cursando o Mídias, me ferrei! Faço o que possível for para concluir essa especialização. Vou avisar aos colegas.
Abraços

Claudio disse...

Marcelo, aqui é o Luiz claudio, de Augusto Corrêa... também estamos cheteados com essa situação, pois entendemos que o curso até aqui foi ao mesmo tempo trabalhoso e vantajoso para nós, o que no faz crer que abrir mão agora seria uma perda lastimável. Querermos terminar, e não abrimos mão disso; e houver reunião a respeito, comuniquem por aqui pelo sue blog, pois estamos na espera! Abraços!!!

Anônimo disse...

COLEGAS, ESTAMOS NO MESMO BARCO, VAMOS PRESSIONAR.
FUI NO CENTRO DE LETRAS DA UFPA, PEGUEI MEU DIPLOMA DE APERFEIÇOAMENTO NA SALA DO PROF. OTACÍLIO, FAÇAM O MESMO, POIS SERVE, AO MENOS PARA LOTAÇÃO NA SALA DE INFORMÁTICA E PARA UM ACRÉSCIMO DE 5% ÁQUELES QUE NÃO POSSUEM PÓS.
ME FALARAM QUE O PRINCIPAL PROBLEMA DA NÃO CONTINUIDADE É FINANCEIRO, ENTRETANTO, TAMBÉM SOUBE QUE A UFPA ESTAVA RELUTANDO EM CERTIFICAR A PÓS.
ESTOU A DISPOSIÇÃO.
elvis@adv.oabpa.org.br

dobradura e arte disse...

Eu, manoel do Nascimento aRAUJO, ESTOU DE ACORDO COM TODAS AS MANIFESTÇOES EM RELAÇAO ESTA MARAVILHOSSO CURSO QUE NEM SABIA LIGAR O COMPUTADOR. AGORA JÁ TRABALHO DANDO AULO LABORATORIO DE INFORMATCA DE MINHA ESCOLA EM MINHAS HORAS DE FOLGA TTRABALHO COM COM E-MAIL, E OUTRAS ATIVIDADES, DESDE DE ESPERO QUEM VENHA A CONTINUIDAD ELOGO

Daniela Torres disse...

Minha história não é diferente dos demais que aqui postaram comentários. Também sou aluna do curso de Mídias e cursei os dois módulos e anseio o final. Esse final que angustia tanto pela incerteza de ser feliz ou não para nós todos.

Marcelo Carvalho disse...

Bom dia,

Parece que nosso texto-manifesto conseguiu mobilizar os alunos do curso, agora é preciso agir concretamente.
Nossa ação precisa ser organizada para surtir os efeitos que desejamos, neste sentido é precisamos estabelecer uma eficiente comunicação e interação.
Para facilitar este propósito minha sugestão é de criarmos um grupo no Facebook, o grupo dos alunos do curso mídias na educação.
Assim podemos manter contato e programarmos as ações e principalmente iniciar o diálogo com a UFPA.
Marcelo Carvalho

Egidia disse...

Egidia Maria (Abaetuba), abri mãos de outras especializações por ter optado pelo Mídias na Educação. Estou esperando a conclusão do mesmo porque não acredito que o MEC permita uma sacanagem dessa conosco:
• Mais de um ano dedicada aos estudos
• Deixava a turma pra assistir as aulas presenciais
• Afastava-me do trabalho apresentando declaração que estava nas aulas presencias, na lotação não apresento a conclusão, com se estivesse enganando a coordenação pra faltar na escola.
• Sinto-me lesada, frustrada, enganada, etc.

Delma disse...

Eu também desejo continuar.Contem comigo. Sou da turma de 2008.

Sandra disse...

Olá Marcelo!
O fato do curso mídias não ter sido concluído e hoje está neste total esquecimento pelos órgãos responsáveis, é mais uma prova do descaso que a Educação e nós profissionais da Educação vivenciamos no dia a dia. Mas algo precisa ser feito, afinal precisamos e merecemos uma resolução para o problema, afinal dedicamos tempo e esforço nesta investida, e isso precisa ser no mínimo respeitado.

Marcelo Carvalho disse...

Conforme combindado, criamos o grupo dos alunos do curso Mídias Na Educação, no Facebook, com objetivo de defendermos a continuidade do curso. Para acessar o link é:

http://www.facebook.com/groups/336399236403459/

Anônimo disse...

Também sou aluna do curso de mídias da turma de Castanhal, e acho uma grande falta de respeito com os alunos que estão aí esperando a boa vontade desse governo para concluir o curso, parado desde 2010.Precisamos pelo menos de uma declaração das 180horas que já cursamos,pois, já serve como aperfeiçoamento para sermos lotados na sala de informá-tica.Ivanilde Brito. abraços a todos